☆ ☆ ☆ ☆ ☆

.

27 de mai de 2013

SuckSeed

Olha eu de novo com um filme tailandês, eu comecei de leve e agora sempre que sai um que chama a atenção eu vou lá e vejo mesmo, já acostumei com a língua deles. Esse filme me interessou há muito tempo, nem tinham lançado com legendas em PT quando eu vi a capa dele em um site gringo, eu amei as fotos divertidas e vi o trailer, quando vi que tinha ele para baixar não pensei muito, adoro uma coisa musical, e é escolar ainda por cima. O filme começa com os protagonistas crianças, achei tão fofinha essa parte, o
casalzinho tão cute o garotinho conseguiu ser mais cute ainda que a menina. Depois que passam os anos e começa a mostrar a adolescência, a loucura aumenta, os três amigos são um sarro, eles definitivamente não tem vergonha, fazem muitas loucuras, por mulheres e para montar a banda, a garota que foi embora quando pequena volta para escola, ai entra o romance, o tipo de romance tailandês é mais puxado para o Jdrama, não dá para esperar beijos e pegação não, mas os tailandeses conseguem fazer o romance ficar tão bonitinho que a gente acaba aceitando. Gostei muito das musicas, nesse filme tem uma coisa curiosa, os atores estão no meio da cena e do nada aparece o cantor e começa a cantar no meio, achei diferente, curti a ideia, fora que quem gosta do estilo rock, vai ficar com algumas musicas na cabeça, eu adorei a musica que a garota cantou na escola quando era pequena, essa foi a que ficou na minha cabeça, adorei mais ainda ter uma garota que toca guitarra no meio dos garotos. Esse filme foca na amizade dos personagens também, achei os dois caras que disputam a garota, muito lindinhos, o que foi aquela doideira da ultima apresentação deles haha, me diverti bastante vendo o filme. Para quem não tem preconceito, vale apostar e ver.

Review

Ped, Koong e Ern estudavam juntos quando crianças. Ern teve que se mudar antes que Ped dissesse que a amava. No Ensino Médio, Ern volta para a escola, só que Koong se apaixona por ela. Para chamar a atenção dela e das outras garotas da escola, eles formam uma banda de rock! Como conciliar a amizade quando se luta pela mesma mulher?


review by Jdrama Fansubs

21 de mai de 2013

Mind and Love SP

Esse filme ou especial, até hoje tenho duvida do que é, mas creio que é um filme para TV que também pode ser chamado de SP, estava na minha lista há um tempão, desde o tempo que ainda não tinha legenda, vi o trailer e achei divertido demais, além de eu adorar uma coisa tipo Betty a feia, mas na verdade ele lembra mais o filme americano o Amor é Cego.Gostei da protagonista, ele é bem doidinha e mesmo sendo feia, só gosta de caras super bonitos hahaha, é carinhosa com os animais também, amei ver tantos gatinhos no SP, é meu bicho preferido, achei que podiam deixar ela bem mais feia, a única coisa que estragou ela foi os dentes, fora isso, era uma mulher normal. O cara é aquele do tipo que todas mulheres querem, bonito e bem sucedido, que nunca ficaria com uma feia, mas que por obra do destino, ficou com ela e provou um tipo de amor que não provava há muito tempo. É clichê, a gente sabe o que esperar, mas tem seus momentos divertidos, como quando os dois vão pro apartamento dele e ficam no desespero para se catarem, tem momentos tristes e dramáticos, fiquei com uma dó dela, adorei a posição firme que ele teve diante da mãe, normalmente nos dramas e filmes, eles fazem tudo que os pais querem. Achei que no final enrolaram um pouquinho, mas foi feliz, é uma boa sessão da tarde de comédia romântica, vale se divertir.

Review

Wang So Jung (Lee Ji Ah) é um patinho feio que trabalha como empregada de um escritório de um departamente de uma revista de animais selvagens. Apesar dela ser muito horrenda, ela possui um charme vibrante e otimista. Mesmo ela sendo popular em seu departamento graças a sua personalidade amigável, ela não é amada por nenhum homem em termos de relacionamento. Um dia, ela conhece o "lindo homem" Kang Tae Poong (Kang Ji Hwan) que é um arquiteto superficial. Ele só procura por mulheres de aparência bonita, mas coincidentemente, ele fica com a visão prejudicada e perde a sua visão. Os dois começam a namorar, mas o que irá acontecer quando ele recuperar a visão? Ele ainda irá amá-la?


review by Ohayo Dramas 

15 de mai de 2013

Switch Girl 2


Assisti esse drama porque gostei muito da primeira temporada, como ela foi muito curtinha, ficou um gostinho de quero mais, era certo que eu ia querer ver o desenvolvimento do romance nessa segunda temporada, e foi mesmo nisso em que ela foi focada. Já no primeiro episodio, tive crises de vergonha alheia, imagino os atores gravando aquelas cenas baita constrangedoras, a protagonista elevou o nível de pervertida que ela tinha, para um nível mais elevado ainda. O que podem esperar desse drama é tanta maluquice quanto na primeira temporada, mas essa me deixou mais nervosa porque teve mais vilões retardados e desequilibrados, fiquei realmente tensa com a historia das gangues e tal. Adoro as cenas românticas desse casal, apesar de ser um drama japonês onde tudo é mais contido, eles continuaram mandando bem nos beijos e no final do ultimo episodio, uolll que sexy, pena que não chegou a ser mais neh, também adorei que deixaram o encerramento mais divertido ainda que o da primeira temporada, com a dancinha e a musica fofa. Me diverti novamente, foi curtinho de novo  e encaro uma terceira temporada na boa.

Review

Switch Girl é um mangá de Aida Matsumi que já vendeu cerca de 5 milhões de cópias. A história é sobre uma estudante de ensino médio chamada Nika, que parece ser sofisticada e estar na moda na escola, mas é uma personalidade falsa que utiliza quando está em público. Em casa ela vai para o seu modo OFF e volta a sua natureza descuidada, só que um novo garoto da escola chamado Arata, vai acabar com o seu sossego, pois ele descobre seu segredo. Nessa nova temporada Nika e Arata finalmente estão juntos, mas será que os dois finalmente terão paz e poderão curtir o namoro e mais ainda Nika conseguirá continuar a manter seu segredo de todos? É o que iremos descobrir nesse drama divertidíssimo, afinal quem não tem o seu lado OFF, mesmo que um pouco.


review by Ohayo Dramas